93 Radical Roberto Vidal
No ar: de 15:00h até as 18:00h

Debate

O crente pode fazer ‘corpo mole’ no trabalho?

Uma ouvinte por e-mail

Trabalho em uma empresa em que meu salário apenas aumenta em razão do dissídio, porque meu patrão não quer me dar um aumento. Já conversei com ele, e inclusive pedi que me mandasse embora, só que ele não quer. Agora, ele me colocou em um cargo de mais responsabilidade e meu salário não alterou nenhum centavo. Por causa disso tomei uma decisão, estou fazendo corpo mole e tenho trabalhado de acordo com aquilo que recebo. Como evangélica estou errada em agir assim? Tenho que ter consideração com um patrão que não se importa comigo e com minhas necessidades? É necessário amar um patrão insensível e que só pensa no próprio bolso?

  • Indique para os seus amigos
    Indique este debate para os seus amigos


    Indicações enviadas com sucesso!
    Ocorreu algum erro no envio! tente novamente.